fé-biblica

Por Eliandro da Costa Cordeiro

Um ‘concerto’ ao compromisso de fidelidade a Deus (Dn.3:1-30).

Sadraque, Mesaque e Abdenego são a prova de que a fé bíblica não dança conforme a música. Revelam que se o desafio de apresentar-se como Verdadeiro é somente de Deus; por sua vez, o de manifestá-lo Vivo é do caráter da fidelidade de seus servos.

(mais…)

dargraças

Por Kevin DeYoung

Traduzido por Anderson Rocha – Artigo original aqui.

Há 13 cartas de Paulo no Novo Testamento, e em 9 delas ele expressamente agradece pelos destinatários da carta (Romanos 1:8; 1 Coríntios 1:4-8; Efésios 1:15-16; Filipenses 1:3-5; Colossenses 1:3-5; 1 Tessalonicenses 1:2-3; 2 Tessalonicenses 1:3-4; 2 Timóteo 1:3-5; Filemon 4-5). As únicas exceções são 2 Coríntios (onde ele brinca com uma palavra de conforto), 1 Timóteo e Tito (para quem ele concede implicitamente) e Gálatas (que estavam em perigo de apostasia). O grande apóstolo Paulo era um homem marcado pela gratidão.

(mais…)

sermao da montanha

Por Jonathan Pennington

Traduzido por Anderson Rocha – Artigo original aqui.

Foi uma grande alegria para mim dedicar muita energia mental para estudar, ensinar e escrever sobre o Sermão da Montanha. Embora tenha terminado de escrever meu novo livro sobre o sermão, este famoso texto bíblico continua a me ensinar coisas novas todos os dias.

(mais…)

eventosisolados

Por Tim Barnett

Traduzido por Anderson Rocha – Artigo original aqui.

Sempre que uma pergunta começa com as palavras: “Por que Deus não…” minha resposta mais comum inicia com as palavras, “Eu não sei”. 

No mês passado, eu estava palestrando ao norte de Ontário sobre o problema do mal em um evento de divulgação. Durante o período de perguntas e respostas, uma mulher cristã sentada na segunda fila perguntou: “Por que Deus não impediu minha filha de se envolver num acidente de carro recentemente?”

(mais…)

REFORMAJOVEM

Por Davi Lago

Uma das características marcantes da Reforma – mas pouco explorada – é a precocidade dos reformadores. Lutero tinha trinta e quatro anos quando afixou as 95 teses na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg. Calvino tinha apenas vinte e sete quando chegou à Genebra e publicou a primeira edição da obra “Institutas da Religião Cristã”. Tyndale tinha trinta e cinco quando completou a tradução do Novo Testamento, em inglês. Cremos que esse lembrete vale uma reflexão bíblica muito útil para nossos dias.

(mais…)

cristoescritura

Por Anderson Rocha

Ao nos depararmos com a Palavra de Deus, vemos como o Senhor teve o cuidado de priorizar o mais importante assunto: A Revelação de Cristo. Ao longo do relato bíblico, podemos constatar que em toda sua história, o Cristo de Deus nos é revelado, página por página, gradativa e progressivamente. Desde seu início em Gênesis, Deus mostra logo nos primeiros capítulos que Cristo, a semente da mulher, derrotaria Satanás de uma vez por todas. Vemos ali a primeira promessa da revelação messiânica, quando lemos: “E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar” (Gênesis 3:15). A história da Bíblia é uma história de redenção, isso em todo seu contexto, quer seja histórico ou teológico. Do jardim até a cruz, o Senhor nos conduz em graça pelo Seu Espírito, à revelação da Sua eterna salvação.

(mais…)

JARDINEIRO

Por Tim Barnett

Traduzido por Anderson Rocha – Artigo original aqui.

Eu acho que precisamos repensar o modo como entendemos evangelismo. Quando a maioria das pessoas pensa em evangelismo, elas pensam em levar uma pessoa a Cristo. Fazem com que elas orem, que firmem um compromisso, fechem o acordo. Você pescou a ideia.

Jesus chamou isso de colheita.

(mais…)

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.