sermao da montanha

Por Jonathan Pennington

Traduzido por Anderson Rocha – Artigo original aqui.

Foi uma grande alegria para mim dedicar muita energia mental para estudar, ensinar e escrever sobre o Sermão da Montanha. Embora tenha terminado de escrever meu novo livro sobre o sermão, este famoso texto bíblico continua a me ensinar coisas novas todos os dias.

(mais…)

NATAL-SALVACAO

Por Eliandro da Costa Cordeiro

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (Jo. 3:16)

Sem que se recorra à toda a teologia apresentadas nos evangelhos acerca da pessoa de Jesus,o seu nascimento será como o de qualquer homem. Ele será um homem bom, ético, mestre da moral, mas nunca o Salvador dos homens. Estes morrem presos às desgraças de seus pecados em ofensa à Santidade divina; Jesus será incapaz de dar aos homens aquilo que vai além de um alívio existencial (ICor.15:19).

(mais…)

amor-de-cristo

Por Jorge Fernandes Isah

Introdução

Este é um trecho pinçado de um estudo e meditação no verso de Romanos 13.10 o qual é o seguinte [1]:

“O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor.”

No trecho abaixo, abordarei a questão da impossibilidade do homem cumprir a lei, e da necessidade do Salvador divino-homem, Jesus Cristo. É claro que esta abordagem não é exaustiva, nem tem pretensão de sê-la; é muito mais uma apresentação do tema, e da análise de que o Justo, Santo e Salvador teria de ser poderoso, infinito e eterno, algo que está muito além, e aquém, da condição humana em sua finitude e corrupção.

(mais…)

cristoescritura

Por Anderson Rocha

Ao nos depararmos com a Palavra de Deus, vemos como o Senhor teve o cuidado de priorizar o mais importante assunto: A Revelação de Cristo. Ao longo do relato bíblico, podemos constatar que em toda sua história, o Cristo de Deus nos é revelado, página por página, gradativa e progressivamente. Desde seu início em Gênesis, Deus mostra logo nos primeiros capítulos que Cristo, a semente da mulher, derrotaria Satanás de uma vez por todas. Vemos ali a primeira promessa da revelação messiânica, quando lemos: “E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar” (Gênesis 3:15). A história da Bíblia é uma história de redenção, isso em todo seu contexto, quer seja histórico ou teológico. Do jardim até a cruz, o Senhor nos conduz em graça pelo Seu Espírito, à revelação da Sua eterna salvação.

(mais…)

JARDINEIRO

Por Tim Barnett

Traduzido por Anderson Rocha – Artigo original aqui.

Eu acho que precisamos repensar o modo como entendemos evangelismo. Quando a maioria das pessoas pensa em evangelismo, elas pensam em levar uma pessoa a Cristo. Fazem com que elas orem, que firmem um compromisso, fechem o acordo. Você pescou a ideia.

Jesus chamou isso de colheita.

(mais…)

A cadeia inquebrável da salvação

Posted by Clóvis Gonçalves in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em A cadeia inquebrável da salvação)

salvação

Por Clóvis Gonçalves

Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.” (Rm 8.29–30)

Introdução

Salvação e cinco pontos remetem ao acróstico TULIP, conhecidos como os cinco pontos do calvinismo: total depravação, eleição incondicional, expiação limitada, graça irresistível e perseverança dos santos. Mas neste artigo gostaria de enfatizar outros cinco pontos, relacionados com a ordem de salvação, os quais são geralmente referidos como elos da cadeia inquebrável da salvação divina, que começando na eternidade passada, mergulha na história e continua na eternidade futura.

(mais…)

Aba, Pai: a plenitude dos tempos

Posted by Flávio Santos in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em Aba, Pai: a plenitude dos tempos)

plenitudetempos

Por Flávio Santos

“O Filho de Deus tornou-se homem para possibilitar que os homens se tornem filhos de Deus” C.S. Lewis

A plenitude dos tempos

Filhos e herdeiros são as duas palavras usadas por Paulo para descrever o que somos para Deus. Esse ser para Deus foi conquistado por meio de uma decisão do amor eterno do Pai ao enviar o Filho para morrer por nós na cruz. E o Pai e o Filho enviaram o Espírito Santo para, dentro de nós, gerar a bênção da filiação e herança. Jonathan Edwards, falando sobre o texto, diz que os santos, através da união com Cristo, participam da relação filial dEle com o Pai e são herdeiros com Ele da felicidade no gozo do Pai, como está indicado pelo apóstolo Paulo em Gálatas 4.4-7:

(mais…)

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.