plenitudetempos

Por Flávio Santos

“O Filho de Deus tornou-se homem para possibilitar que os homens se tornem filhos de Deus” C.S. Lewis

A plenitude dos tempos

Filhos e herdeiros são as duas palavras usadas por Paulo para descrever o que somos para Deus. Esse ser para Deus foi conquistado por meio de uma decisão do amor eterno do Pai ao enviar o Filho para morrer por nós na cruz. E o Pai e o Filho enviaram o Espírito Santo para, dentro de nós, gerar a bênção da filiação e herança. Jonathan Edwards, falando sobre o texto, diz que os santos, através da união com Cristo, participam da relação filial dEle com o Pai e são herdeiros com Ele da felicidade no gozo do Pai, como está indicado pelo apóstolo Paulo em Gálatas 4.4-7:

(mais…)

planitudedeus

Por Marcelo Berti

“Portanto, vede diligentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, usando bem cada oportunidade, porquanto os dias são maus. Por isso, não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. E não vos embriagueis com vinho, no qual há devassidão, mas enchei-vos do Espírito” (Ef.5.15-18)

As escrituras são claras quanto as demandas morais esperadas do cristão: Ele deve manter um padrão exemplar entre os não cristãos (1Pe.2.15ss), em obediência aos mandamentos de Cristo (1Jo.2.3ss) e aos mandamentos da lei (Rm.8.4) na demonstração de amor a Deus (Mt.22.37Mc.12.30) e aos outros (Rm.13.8; Gl.5.14). Entretanto, é importante afirmar que Deus não espera que o homem por sua força atinja tal padrão. O ser humano caído e resgatado pela Graça pode somente pela Graça alcançar as exigências divinas do cristianismo. Por isso mesmo é que o próprio Deus providencia o Espírito Santo como agente divino no homem para habilitá-lo a cumprir as exigências da lei:   (mais…)

julgamentofinal

Por Tim Barnett

Traduzido por Semi Chung Azeka – Artigo original aqui.

Há uma tendência em nossa apresentação do evangelho que é o de nos posicionarmos em favor daquilo que faz as pessoas se sentirem bem – “Deus te ama. Ele deu sua vida por você. Ele quer se relacionar com você.” Tudo isso é absolutamente verdadeiro. Mas não representam o evangelho completo.

(mais…)

divinaparceria

Por Marcelo Berti

O ministério cristão consiste em nada mais nada menos do que replicar (1Jo.2.3) e reproduzir (Jo.15.16) o ministério que Cristo iniciou durante seu tempo aqui na terra. Consiste em encarnar os valores do Rei (Mat.5.3-12), para então proclamar a mensagem do Reino (Mat.5.13-16). Consiste em fazer o que Ele fez do modo que Ele faria (Mat.28.19). E diferente do que se pensa, tal ministério não nos é pesado, nem enfadonho, pois sabemos que Aquele que nos convida a servi-lo é Aquele cujo jugo é suave e o fardo é leve (Mat.11.30).

(mais…)

Princípios da doutrina da igreja – parte 3

Posted by Jonas Ayres in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em Princípios da doutrina da igreja – parte 3)

DOUTRINA IGREJA ECLESIOLOGIA 3

Por Jonas Ayres

OS DONS DO ESPÍRITO

Dos assuntos controversos e polêmicos da igreja no momento atual, o “Movimento Carismático” é um dos que estão mais em voga. Igrejas de linha reformada resistem ao que se designa como “Pentecostal Reformado”, taxando por muitas vezes como “onda teológica”.

(mais…)

O sujeito à luz das Sagradas Escrituras

Posted by Matheus Negri in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em O sujeito à luz das Sagradas Escrituras)

osujeito

Por Matheus Negri

Se o ser humano não consegue encontrar respostas para seus anseios, dúvidas e problemas olhando para dentro de si ou para a história, se faz mais do que necessário procurar em Deus, seu Criador, a resposta para a pergunta “quem eu sou?”. Somente nas Sagradas Escrituras que o ser humano encontrará o seu propósito, e é no primeiro livro, Gênesis, o livro dos começos que encontra se a criação do ser humano. São dois os relatos, Gênesis 1.26 e Gênesis 2.7, o ser humano como ápice da criação e espelhando a imagem divina e ao mesmo tempo formado pelo pó da terra, simples como tendo sua origem naquilo que pisaria por toda a sua existência, porém com o espírito, o sopro de Deus, lhe dando vida.

(mais…)

Princípios da doutrina da igreja – parte 2

Posted by Jonas Ayres in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em Princípios da doutrina da igreja – parte 2)

DOUTRINA IGREJA ECLESIOLOGIA 2

Por Jonas Ayres

A QUALIDADE DE VIDA COMUNITÁRIA

Fomentar o desenvolvimento, o crescimento, a expansão da igreja como ajuntamento de pessoas sem focar que se tratando do Reino de Deus na terra pode nos levar a erros que talvez não tenham cura ou, na melhor das hipóteses, gerar profundas cicatrizes.

(mais…)

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.