LIDERANCA ARAO

Por Silas Alves Figueira

Texto base: Êxodo 32.1-25

INTRODUÇÃO

Quando o Senhor disse para Moisés subir o monte Sinai para receber as tábuas as Lei, Moisés diz para as autoridades do povo que Arão e Hur estariam no arraial e iriam resolver os problemas que surgissem (Êx 24.13,14). O problema é que a pessoa que Moisés deixou em seu lugar não estava à altura do cargo que ficou exercendo. Arão era um homem que não tinha liderança. Era uma pessoa que não tinha convicção das suas responsabilidades. Ele poderia até ser um bom liderado, mas não um bom líder. Ele não tinha convicção de seus afazeres e sedia sob pressão.

(mais…)

jeroboao idolatria

Por Silas Alves Figueira

Texto Base: 1 Reis 13.1-10

INTRODUÇÃO

A história de Jeroboão é um exemplo de como uma pessoa que tem as promessas de Deus para sua vida, mas devido à falta de fé e por medo, entra por caminhos errados e se afasta completamente de Deus. É a história de um homem que tinha tudo para dar certo, mas fracassou em todas as áreas de sua vida. Assim como Davi entrou para a história como um modelo de integridade para com Deus, Jeroboão era o modelo do monarca ímpio. Essa lembrança constante de seu pecado indica a maneira como o Senhor tratou a idolatria durante a história de Israel (1Rs 16.26; 2Rs 14.24).

(mais…)

Do antropocentrismo narcísico às feridas narcísicas

Posted by Cristiano Nickel in Cosmovisão - (Comentários desativados em Do antropocentrismo narcísico às feridas narcísicas)

NARCISO - TEOLOGIA

Por Cristiano Nickel

1. INTRODUÇÃO

Estamos numa jornada sobre o mundo líquido. Estamos navegando na cosmovisão pós-moderna diagnosticada pelo sociólogo Zygmunt Bauman. Desta vez iremos mergulhar profundamente sobre o início da fonte da Modernidade Líquida: o Renascimento.

(mais…)

Autofilia

Posted by Jorge Fernandes Isah in REFLEXÕES TEOLÓGICAS | VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados em Autofilia)

autofilia

Por Jorge Fernandes Isah

Tornou-se comum entre os crentes frases do tipo:  “Não olhe para mim, olhe para Jesus”. Mas seria ela e suas corruptelas uma verdade? Digamos que… parcialmente, pois contém apenas uma fração da verdade.

Devemos olhar sempre para o nosso Senhor, pois é Ele quem nos dirigirá, revelando-nos, segundo a Escritura, a Sua vontade [para nós e nossos semelhantes] como Aquele que é o autor e consumador da nossa fé [Hb 12.2]. Contudo, isso não quer dizer que não devamos olhar para os homens, nem aprender com seus exemplos, seja imitando o que fazem de bom, e rejeitando prontamente seus erros, não incorrendo neles, tudo segundo e sob a luz das Escrituras Sagradas.

(mais…)

Quando a nossa justiça se torna idolatria: o fariseu e o publicano

Posted by Silas Alves Figueira in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em Quando a nossa justiça se torna idolatria: o fariseu e o publicano)

fariseu-publicano

Por Silas Alves Figueira

Texto base: Lucas 18.9-14

INTRODUÇÃO

Jesus nesta parábola tem a finalidade de nos chamar a atenção para o perigo que corremos de achar que somos melhores do que os outros porque somos religiosos. A religiosidade se torna perigosa quando começamos a nos afastar da humildade que ela deveria nos proporcionar, pois estamos na presença de Deus, e começamos a nos ufanar das nossas “boas” ações. Quando começamos a nos comparar com os demais homens que agem de forma diferente da nossa e achamos que somos melhores que eles.

(mais…)

Ídolos do coração e a verdadeira adoração

Posted by Robson T. Fernandes in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em Ídolos do coração e a verdadeira adoração)

idoloscoraçãoPor Robson Fernandes

“Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm;todas são lícitas, mas nem todas edificam”

1 Coríntios 10:23

Edificação é um tema comum na Sagrada Escritura. Edificar significa construir, levantar, instituir, induzir à virtude, infundir sentimentos morais e religiosos em alguém. Com isso, a ideia do autor bíblico é a de que devemos buscar em todo o tempo as coisas que colaboram para o nosso crescimento e para a nossa solidificação espiritual.

(mais…)

De Deus aos ídolos

Posted by Silas Alves Figueira in APOLOGÉTICA - (Comentários desativados em De Deus aos ídolos)

deus-idolos

Por Silas Alves Figueira

Texto base Ezequiel 14.1-11

INTRODUÇÃO

O profeta Ezequiel nasceu em uma família sacerdotal (Ez 1.3), seu nome significa “Deus Fortalece”. O profeta Ezequiel foi levado junto com outros judeus para o cativeiro babilônico em 597 a.C., ou seja, na segunda deportação de Judá enquanto que Daniel foi na primeira deportação. O cativeiro ocorreu por causa da idolatria do povo juntamente com os líderes judeus. Ali na Babilônia ele se instalou em sua casa, numa vila próxima de Nepur, junto ao rio Quebar.

(mais…)

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.