noite-escura-da-alma

Por Flávio Santos

A noite escura da alma é um pensamento criado pelo monge carmelita João da Cruz. Foi um homem que escreveu muita coisa sobre espiritualidade e contemplação. Ele criou esse conceito para descrever aquele período da nossa vida que os problemas são tão graves que até a nossa fé estremece. É um período de desespero e angústias profundas. Que aparentemente Deus se esqueceu da gente. Todos nós enfrentamos a noite escura da alma. Eu o chamo de dia “não”.

(mais…)

espera-em-deus

Por Antônio Pereira Jr.

Muitas vezes, nossa alma parece um ser incompreensível. Ora ela acorda cheia de animação e alegria; ora ela parece abatida, fraca e desanimada. Já se sentiu assim? Sentir-se abatido, hoje em dia, é quase um pecado. Vivemos um triunfalismo dentro das igrejas e as pessoas ficam quase que obrigadas a contar apenas bênçãos e vitórias. Alguém que se sente abatido e fraco logo é repreendido como alguém sem fé ou muito pecador.

(mais…)

alvo-001

Por Robson Fernandes Tavares

Existem grandes dificuldades para tratarmos corretamente o pecado e o pecador. Essas dificuldades podem ser geradas por diversas razões. Vejamos algumas delas:

1) FALTA DE PREPARO BÍBLICO-TEOLÓGICO. Pela falta de embasamento bíblico adequado para tratar da questão corretamente, a disciplina pode ser aplicada sem as presenças do amor, da doutrina e da esperança de restauração. Daí, a disciplina passa a ser destrutiva e não restaurativa. Porém, a finalidade da disciplina não é destruir ninguém, mas trazê-lo de volta à consciência para que haja arrependimento e para este seja restaurado e reintegrado ao Corpo de Cristo. A finalidade da disciplina não é jogar a pessoa fora, mas jogar o pecado para fora da pessoa;

(mais…)

O mandato espiritual, social e cultural em Efésios

Posted by Denis Monteiro in VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados em O mandato espiritual, social e cultural em Efésios)

efesios

Por Denis Monteiro

Antes da Queda, Deus deu algumas ordenanças a Adão e Eva o qual chamamos de ordenanças da criação. Deus ordenou ao primeiro casal: Que se casassem e procriassem para encher a terra, exercessem domínio sobre as criaturas, o trabalho e o descanso semanal – claro, sabemos que Deus ordenou que o casal não poderia comer da árvore do conhecimento do bem e do mal, mas essa não é geralmente considerada uma ordenança da criação, pois Deus deu apenas para aquela ocasião e não uma ordenança perpétua. Chamamos estas ordenanças de mandatos. Mandato espiritual, social e cultural.

(mais…)

Quando a igreja não serve para nada

Posted by Davi Lago in VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados em Quando a igreja não serve para nada)

servenada

Por Davi Lago

O relato de Mateus 17.14-21 nos ensina lições valiosas sobre os discípulos de Jesus.

A narrativa informa que havia um jovem possesso pelo mal. Um jovem que tinha ataques e sofria muito. Somos informados que ele caia “no fogo ou na água” (Mt 17.15b). O rapaz era um exemplo supremo de destruição com fortes tendências suicidas. Infelizmente, há muitos jovens assim em nosso tempo. Jovens vivendo literalmente com um comportamento autodestrutivo.

(mais…)

Quando a igreja dorme

Posted by Silas Alves Figueira in REFLEXÕES TEOLÓGICAS | VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados em Quando a igreja dorme)

igrejadorme

Por Silas Alves Figueira

Antes de ser recebido de volta ao céu, o Senhor Jesus deu algumas ordens aos seus discípulos: A primeira ordem foi que eles permanecessem na cidade de Jerusalém até que do alto fossem revestidos de poder (Lc 24.49).  A segunda foi que eles seriam suas testemunhas começando por Jerusalém até aos confins da terra assim que recebessem o poder do Espírito Santo (At 1.8).

(mais…)

O perigo da frieza espiritual

Posted by Antônio Pereira Jr. in VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados em O perigo da frieza espiritual)

friezaespiritual

Por Antônio Pereira Jr.

INTRODUÇÃO

Sempre ocorre em nossas vidas períodos muito difíceis, afinal somos humanos. Todos os cristãos passam por “dias maus”. Ninguém desperta numa manhã em sua vida e se vê frio espiritualmente. Há sempre uma progressão – ou melhor, acontece na realidade uma regressão, visto que esfriamento, no caso, é algo negativo. A alma fica abatida por diversos motivos. Faz parte da vida. Há períodos que estamos prontos a derrotar “450 profetas de Baal” e no outro dia estamos escondidos na “caverna existencial” com medo de viver. A vida cristã tem seus altos e baixos. Um dia pode ser de flores e outro de espinhos. Afinal, já disse o Mestre: “No mundo tereis aflições”. Percebe? É uma promessa de Deus para seus santos. NÃO É OPCIONAL. Um dia, cedo ou tarde, passamos por aflições e elas são, muitas vezes, a razão de abatimento espiritual. Não estou falando aqui de apostasia, e sim, de “esfriamento espiritual”, a perda do“primeiro amor” que acomete com qualquer servo de Deus. Evidentemente que falo de verdadeiros cristãos que não estão isentos de passar por vários problemas –diferentemente do prega a Teologia da Prosperidade.

(mais…)

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.