Author Archives: Alex Belmonte

Verdades e equívocos quanto ao pecado

Posted by Alex Belmonte in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em Verdades e equívocos quanto ao pecado)

verdades equivocos pecado

Por Alex Belmonte

É muito importante que primeiro tenhamos uma compreensão adequada quanto ao significado do termo “pecado”, visto que muitos erros modernos a respeito dessa palavra têm causado sérios danos ás demais disciplinas da teologia. O falso entendimento acerca do pecado e de seus efeitos na vida do homem, podem com toda certeza afetar todo um contexto de vivência cristã e relacionamento espiritual com Deus, e isso podemos ver em algumas denominações evangélicas, onde a Igreja é vista como uma instituição mais para escravidão do que para libertação.   (mais…)

Os Livros Poéticos e a grandeza teológica de Jó

Posted by Alex Belmonte in REFLEXÕES TEOLÓGICAS - (Comentários desativados em Os Livros Poéticos e a grandeza teológica de Jó)

poeticos-jo

Por Alex Belmonte

No Antigo Testamento os Livros Poéticos compostos por Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes e Cantares de Salomão, não tratam da nação de Israel, mas tratam de assuntos individuais, falam das experiências da vida, da relação do coração de Deus e da intimidade que o salvo tem com Ele. É óbvio que o povo hebreu escreveu muita poesia sobre muitos assuntos variados.  Porém, nem toda a poesia que eles escreveram chegou para fazer parte da Bíblia. Exemplos: 1º Reis 4.29-33, Números 21.14, Josué 10.13. (mais…)

eclesia

Por Alex Belmonte

Existem muitos equívocos e confusões quanto a alguns termos na esfera cristã. Entre esses, a própria palavra “Igreja” sofreu duros golpes de definições mal concebidas, tirando inclusive o real sentido de sua existência. A compreensão correta desses termos se torna importante para uma fiel abordagem em tudo que cerca a Igreja de Cristo.  (mais…)

Como nasce um pastor?

Posted by Alex Belmonte in REFLEXÕES TEOLÓGICAS | VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados em Como nasce um pastor?)

Por Alex Belmonte

“É um grande privilégio ser escolhido por Deus para fazer a sua Obra, mas é um grande dever do escolhido preparar-se para realizá-la”. Sandro dos Anjos.

O chamado de um pastor é um dos assuntos mais evidentes nas Sagradas Escrituras. Seu perfil e caráter são revelados tanto no Novo como no Antigo Testamento de forma impressionante e segura.

(mais…)

Por Alex Belmonte

Há um enorme equívoco no meio evangélico que se enraizou na mente de alguns crentes, quando o músico, ou ministro de louvor é exclusivamente chamado de levita da casa de Deus. Assim como muitos erros de interpretação bíblica causaram enormes contradições pela falta de harmonização de textos com contextos, apesar do caso aqui exposto se tratar de contexto remoto, gramatical, histórico e cultural, a comparação feita especialmente do músico atual para com o levita da Bíblia é mais um exemplo disso.

(mais…)

Por Alex Belmonte

Vivemos uma época de muitas nomenclaturas ministeriais no meio evangélico brasileiro. Alguns líderes de diferentes denominações cristãs, mesmo atuando nas mesmas funções, usam termos e nomes diferentes como apóstolos, pastores, bispos, presbíteros e muitos outros. Infelizmente conseguimos identificar que alguns ministros usam algumas nomenclaturas bíblicas por uma busca de autoridade eclesiástica e um suposto poder espiritual, criando assim uma visível contradição quanto ao real significado do título e dos nomes na Bíblia.

(mais…)

O fim do calendário maia

Posted by Alex Belmonte in APOLOGÉTICA | Apologética Geral - (Comentários desativados em O fim do calendário maia)

Por Alex Belmonte

Nada é tão prejudicial ao estudo da profecia neotestamentária do que imaginar que o Deus Eterno, que está separado e acima do tempo, está limitado pelos relógios e calendários dos homens.”. Edward M. Blaiklock

Há alguns anos que estudiosos religiosos e sensacionalistas em todo o mundo se voltam para a contagem do tempo por meio do calendário maia. As notícias acerca do fim do mundo que já estavam em evidência nos meios de comunicação, agora possuem data “certa” para a conclusão “profética’” acerca da destruição do planeta: 21 de dezembro de 2012.

(mais…)

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.