apologetica-tupiniquim

Por Leonardo Gonçalves

A apologética cristã – um discurso em defesa das doutrinas cristas – é talvez um dos tópicos mais negligenciados pelos nossos estudiosos. Raramente consta no currículo de algum seminário e comumente se confunde com a heresiologia. No entanto, o atual quadro do cristianismo me faz pensar que poucas vezes ela foi tão necessária. Em tempos difíceis como os nossos, em que evangélicos estão dando as mãos aos católicos, espíritas e budistas em nome do “diálogo inter-religioso” e em que despontam novas espiritualidades, algumas estranhas e avessas ao evangelho de Jesus, é preciso que a liderança séria do nosso país se desperte para a necessidade de elaborarmos uma sólida apologética com a qual possamos combater as doutrinas modernas, geralmente diluídas entre filosofias ocas e relativizantes.

[+] Leia mais

CONHECIMENTO-SECULAR

Por Denis Monteiro

Sempre quando pensamos na obra do Evangelho nos vem à mente: Evangelismo. Não está errado pensar desta forma, pois Cristo, antes de ascender aos céus, designou os seus discípulos a cumprir a Grande Comissão (Mateus 28.18-20; cf. Marcos 16.15-20). Porém, o outro ponto é o conhecimento secular e a sua relação com o evangelismo, como por exemplo, quando Lutero respondeu a um sapateiro que era convertido, quando perguntou a ele “de que forma poderia servir a Deus da melhor maneira”, Lutero respondeu: “Faça um bom sapato e venda por um preço justo”.

[+] Leia mais

relogio

Por Jorge Fernandes Isah

Na igreja, convivemos com os fariseus (leia aqui). Agora, veremos um outro grupo, daqueles que têm o nítido interesse em corromper a fé cristã, os apóstatas. Há muitos trechos na Escritura que os descrevem, mas, especialmente, analisaremos 2Tm 3.1-7.

[+] Leia mais

cordeiro de deus

Por Clóvis Gonçalves

Apesar de todos os crentes reconhecerem a centralidade da cruz para a sua fé, poucos tem dedicado algum esforço em compreender a natureza e os benefícios da expiação para suas vidas. Muitos cantam “Sim, eu amo a mensagem da cruz!”, sem se dar conta do conteúdo dessa mensagem. O versículo acima nos ajudará a compreender melhor a finalidade e os resultados da morte de Cristo. Ela também pode lançar luz a respeito de para benefício de quem ela foi designada na eternidade e realizada na história.

[+] Leia mais

Inversão de autoridade

Postado por Silas Alves Figueira em HERESIAS | IGREJA - (Comentários desativados)

inversao de autoridade

Por Silas Alves Figueira

Por que me chamais Senhor, Senhor e não fazeis o que vos mando? Lc 6.46

Estamos vivendo uma grande crise, seja na igreja, em nossos lares, na sociedade e esta crise se chama “Crise de Autoridade”. E esta crise não vem de hoje, mas de muito tempo. O texto de Lucas 6.46 nos diz que o Senhor Jesus estava mostrando essa crise. As pessoas o chamavam de Senhor, e Ele o é, no entanto não faziam o que Ele mandava. E já que os homens não se sujeitam a autoridade divina, automaticamente não se sujeitarão as autoridades constituídas também. Seja ela a dos pais e as da sociedade. Estamos vivendo uma época onde encontramos muitos “caciques, mas poucos índios”.

[+] Leia mais

O veneno da serpente

Postado por Flávio Santos em VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados)

veneno_serpente

Por Flávio Santos

No antigo Testamento, quando o povo peregrinava em direção à terra prometida, algumas pessoas se rebelaram contra Moisés e Deus. Então, o Senhor enviou serpentes que picaram o povo e muita gente morreu. O povo percebendo o seu pecado pediu a Moisés que orasse ao Senhor. Moisés orou, e o Senhor em resposta, pediu que ele fizesse uma serpente e a colocasse sobre uma haste para que todos aqueles que olhassem para ela vivessem. Moisés fez a serpente e a levantou no meio do povo, e os que tinham sido picados não morreram. Nm 21. 5 – 9

[+] Leia mais

Um Cristianismo simples

Postado por Robson T. Fernandes em VIDA CRISTÃ - (Comentários desativados)

CRISTIANISMO_SIMPLES

Por Robson T. Fernandes

Antes de qualquer coisa é preciso entender que em primeira ou em última instâncias todo cristão terá seu conjunto de crenças, mesmo que este não receba um título teológico formal. Isso é o resultado natural e decorrente do estudo da Bíblia.

Alguém que estuda a Bíblia sempre terá uma opinião sobre quem é Jesus, Deus, Trindade, Inspiração, Salvação, volta de Cristo etc., e o fato desse conjunto de pensamentos receber um título teológico não significa que o cristianismo está perdendo a sua simplicidade.

[+] Leia mais

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.